Cirurgia Torácica

Neoplasia do Pulmão

neoplasia-do-pulmao-2

1

O que é câncer ou neoplasia?

É uma doença caracterizada por aumento da divisão e crescimento das células de maneira desorganizada e descontrolada. Ao invés de crescer em um ritmo normal, esta célula sofre uma mutação por diversos fatores de risco, entre eles genética, alimentação, vícios e estilo de vida.

2

Neoplasia pulmonar e fatores de risco

O principal fator de risco é o tabagismo, o cigarro. Mais de 85% das neoplasias pulmonares que existem são decorrentes dos efeitos da longa exposição ao cigarro.

Uma ótima pergunta é: quem tem o maior risco de desenvolver câncer de pulmão? São as pessoas com mais de 55 anos e que fumam há mais de 30 anos. Elas são candidatas a realizar o rastreamento para câncer de pulmão.

3

Sinais, sintomas e diagnóstico

A tosse é o sintoma mais precoce, principalmente sua mudança de característica. Geralmente, o fumante já tem um tosse diária, decorrente da irritação do cigarro. Mas a mudança do comportamento da tosse deve servir de alerta. Por exemplo, o indivíduo tinha uma tosse seca ou com pouca secreção logo de manhã, mas agora essa tosse passou a ser frequente, várias vezes ao dia. Acordar durante a noite por causa da tosse também deve ser um alerta. Uma regra geral é a de que qualquer tosse que persista por mais de 4 semanas deve ser investigada. Vale a pena procurar um médico especializado em doenças respiratórias.

4

Estadiamento

Uma vez feito o diagnóstico da neoplasia pulmonar, temos que determinar a extensão da doença através do estadiamento. Esta etapa consiste em avaliar os locais mais frequentes que a neoplasia pode acometer: linfonodos mediastinais, sistema nervoso central, fígado, glândulas suprarrenais e ossos. O melhor exame para realizar esta investigação é o PET-TC.

5

Tratamento por Cirurgia Torácica

Antes da operação, avaliamos o tamanho, localização e sua disseminação para decidir quanto do pulmão será removido. Também serão realizados exames para determinar a condição funcional do paciente – exames pré-operatórios. A remoção de uma parte ou de todo pulmão é chamada de ressecção. São divididas em:

– Ressecção sublobar: ressecção de uma parte do lobo, em retângulo ou em cunha;

– Segmentectomia: ressecção de um segmento do lobo, de forma anatômica;

– Lobectomia: ressecção de um lobo do pulmão;

– Pneumonectomia: ressecção de um pulmão inteiro.